Os principais motivos que levam à perda da condição de Emprendedor Individual


  • Ultrapassar o limite da receita bruta de R$ 36.000,00 no ano (ou o proporcional no caso do primeiro ano de funcionamento).
  • Inclusão de atividade que não seja própria de EI no objeto da empresa, lembrando que comércio, indústria e serviços comuns estão liberados.
  • Abertura de filial
  • O titular passar a ser sócio ou administrador de outra empresa.
  • Passar a ter mais de um empregado.
  • Transformação de empresário em sociedade limitada.
Para saber mais sobre o Empreendedor Individual/MEI, clique AQUI.



Gostou do blog? A informação foi útil? Nos dê seu voto no Top Blog. É só clicar AQUI ou no banner ao lado. Digite seu e-mail, confirme clicando na mensagem enviada e pronto.


Nosso Twitter @spinolaandre.
Direito e Gestão Empresarial

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O auxílio doença e o Empreendedor Individual/MEI

Planilhas gratuitas para auxiliar uma boa gestão financeira

Roteiro para elaboração de contrato de prestação de serviços.