Simples Nacional tem parcelamento com parcelas menores



A Receita Federal do Brasil reduziu reduziu o valor da parcela mínima a ser paga nos parcelamentos solicitados junto à ela ou à Procuradoria Geral da Fazenda Nacional de R$ 500,00 para R$ 300,00.

Mas atenção! Por força de convênio, os estados de Goiás, Pernambuco, Santa Catarina, Sergipe, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, além de 120 Municípios, com destaque para Uberlândia, São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte e Teresina, podem fazer a cobrança dos débitos federais do Simples. Por isso, o valor da parcela mínima que se aplica é o da legislação própria desses estados e municípios. Para ver a lista completa, clique AQUI.

Quer saber mais sobre o Simples? Clique AQUI.

Links úteis:






Direito e Gestão Empresarial

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O auxílio doença e o Empreendedor Individual/MEI

Planilhas gratuitas para auxiliar uma boa gestão financeira

Power Hacks nº4, com Ana Carla Fonseca: Economia criativa